Salas de Estar – mais conforto e aconchego para a sua casa


Salas de Estar – História

Quem foi criança ou adolescente até os anos 1960 lembra-se do ciúme que as mães tinham de sua sala de visitas. Sim, como o nome diz, eram espaços dedicados às visitas, que deveriam se manter impecáveis na arrumação e longe da peraltice dos filhos. Televisão neste espaço era sacrilégio. A família poderia se apertar num cômodo menor para assistir a programação, mas macular o estar com o aparelho estava fora de propósito. Pois o mundo desde então mudou muito e as salas das visitas, também. Hoje, totalmente democráticas, elas aconchegam a família toda e os amigos, são espaços para serem vividos à vontade, cumprindo várias funções. Deixaram de seguir estilos pré-determinados de decoração e passaram a refletir a personalidade de seus donos.

Salas de Estar – Aconchego vem da Natureza

Difícil encontrar alguém que não se sinta confortável vestindo jeans. Desde que Levi Strauss, em meados de 1860, criou as primeiras calças com a lona das barracas que abrigavam os mineradores americanos, o tecido caiu nas graças das pessoas. Dá para fazer uma analogia entre o jeans e as salas contemporâneas. Nelas, o que se espera é o mesmo bem-estar, elegância e casualidade da roupa mais popular do mundo. Para tanto, invista em …

…iluminação e ventilação naturais. Um living banhado pela claridade do dia é convidativo e ganha movimento, mudando sua aparência conforme o horário. Valorize janelas, portas e demais entradas de luz e ventilação. Não as esconda atrás de cortinas e, se topar uma reforma, aumente o tamanho e o número das aberturas. Assim, além de conquistar mais luminosidade e dispensar aparelhos de ar condicionado, seus ambientes passam a ser uma extensão visual das áreas externas, trazendo a beleza do jardim para dentro da sala. Para a noite, tenha uma iluminação que reproduza as nuances da luz natural. Distribua pontos de luz difusa, criando manchas luminosas suaves , que iluminam sem ofuscar.

…revestimentos naturais. Eles são imbatíveis no quesito aconchego. Uma pedra como o limestone, no piso, por exemplo, convida a caminhar descalço, evoca descontração e acolhimento de ninho. O mesmo se dá com as paredes forradas de madeira, mas, atenção, use apenas folhas certificadas. De material quente, elas deixam a sala acolhedora, com acústica agradável e visual encantador.

…fibras naturais. Priorize esse item nos móveis, tecidos e tapetes, afinal aqui, o que conta é o conforto tátil. Nada mais gostoso do que relaxar num sofá de linho, caminhar sobre fios de seda ou ver a brisa ser filtrada por uma translúcida cortina de voal.

 

Salas de Estar – Conforto ou Beleza: o que é mais importante?

Um bom projeto de interiores concilia esses dois aspectos. No entanto, nem sempre foi fácil achar móveis belos e cômodos. Lembra-se da poltrona do papai? Superconfortável, mas nada atraente. Por outro lado, muitas peças de visual primoroso, careciam de comodidade. Mais uma vez, mudamos para melhor e hoje o design assumiu um compromisso com a funcionalidade. Escolha para o living móveis que tenham na mesma medida estética e conforto.

Salas de Estar – Cor é fundamental!

Se há um elemento que traz vida, alegria e energia ao living, este sem dúvida é a cor. Aposte sem medo nela, porém com cautela. Como hoje você pode adorar o amarelo e daqui dois meses estar enjoada do tom, prefira colorir itens da decoração que são facilmente repostos. Sairá bem mais barato trocar as capas das almofadas, do que o sofá, não é? Pintar a alvenaria também é um recurso prático e econômico. Numa tarde você troca a cor de uma parede e renova rapidamente o astral do ambiente. Outra dica que é bastante legal pela sua rapidez, é o toque do papel de parede, que hoje vem sendo muito usado para trocar todo um ambiente num piscar de olhos.

Imagens: Pinterest

Fonte: Casa Cláudia

 

Deixe seu comentário

Comentário

Salas de Estar – mais conforto e aconchego para a sua casa
4.7 (93.33%) 3 votoss

Compartilhe