Qual o melhor gerador de energia para condomínios?


Contra apagões, blecautes e picos de energia, uma solução ganha cada vez mais adeptos nas grandes cidades: o uso de geradores de energia em condomínios. Seja a compra ou aluguel de gerador para condomínio, a medida mostra-se eficaz para garantir maior comodidade e segurança aos condôminos, principalmente durante o verão, onde o consumo de energia aumenta consideravelmente e o risco de falhas na distribuição também.

Interessante notar que o uso do gerador de energia pode fazer a diferença em várias áreas de um prédio residencial ou comercial, como em quadras e salões de festas, entradas com portões elétricos e garagens subterrâneas que necessitam de iluminação, áreas comuns, como jardins e piscinas, para funcionamento do sistema de elevadores e também para uso individual nos apartamentos ou escritórios.

Agora que já entendemos a real importância de um gerador de energia no condomínio, os especialistas da Tecnogera vão identificar as vantagens e desvantagens para, então, escolher a melhor solução.

Geradores de energia

Afinal, qual o melhor gerador de energia para condomínios?

Este tipo de pergunta sempre surge, principalmente por se tratar de um equipamento com elevado custo inicial e que requer maior atenção durante a compra ou locação. Recomenda-se, primeiramente, a visita de um técnico especializado ao condomínio para analisar qual é o tipo de gerador mais indicado de acordo com a quantidade de apartamentos, área total do prédio, pontos de iluminação em áreas comuns e a infraestrutura para receber um item de grande porte. Além disso, somente um profissional poderá indicar as tensões e potências necessárias.

Vale a pena ressaltar que os geradores de energia indicados para condomínios são classificados, de acordo com a Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), como um modelo particular, portanto, no caso de compra por parte do condomínio, é de responsabilidade do mesmo manter as obrigações legais e normas técnicas de segurança para instalação.

Gerador manutenção
Vantagens do gerador de energia para condomínio

  • Conforto: áreas comuns sempre iluminadas e apartamentos com fornecimento ininterrupto proporcionam maior conforto para os condôminos;
  • Segurança: uma iluminação eficaz, mesmo quando a cidade toda está com falhas na distribuição de energia, faz toda a diferença para quem chega tarde do trabalho ou da faculdade ou, ainda, caso o morador precise sair do prédio no período noturno. Portões elétricos, alarmes e câmeras de segurança funcionam normalmente;
  • Vida longa: um gerador de energia possui enorme vida útil, o que acaba significando um investimento mais seguro e com retorno garantido por muitos anos;
  • Autonomia: caso o fornecimento de energia seja cortado na região do prédio, o gerador pode garantir uma autonomia de uso de mais de 12 horas sem interrupção. Seu acionamento pode ser imediato, causando o mínimo de transtorno aos moradores.

Desvantagens do gerador de energia para condomínio

  • Instalação: quem administra um condomínio deve entender que um gerador de energia é um equipamento de grande porte, com muitos detalhes técnicos e que demanda mão-de-obra especializada para sua instalação. Sempre conte com empresas que trabalham com este tipo de serviço e que possuem know-how no mercado;
  • Manutenção: devido a grande capacidade de fornecimento de energia, e de acordo com o uso do equipamento, um gerador necessita de manutenções preventivas periódicas para manter seu desempenho e máxima capacidade. Tudo isso tem um custo que, normalmente, é repassado aos condôminos por meio de taxas mensais;
  • Custo inicial elevado: no caso de compra de um gerador de energia para condomínio, o responsável pela aquisição deve considerar o preço do equipamento e como a despesa será inserida no orçamento dos moradores, ou seja, é sempre importante discutir a compra de um gerador em assembleias e com o máximo de condôminos presentes, mas também há a possibilidade de alugar o equipamento, reduzindo bastante o custo;
  • Desconforto sonoro: o gerador é um equipamento grande e que pode incomodar os ouvidos mais sensíveis, principalmente em prédios com estrutura reduzida para a instalação do mesmo.

Deixe seu comentário

Comentário

Qual o melhor gerador de energia para condomínios?
2.8 (55%) 4 votoss

Compartilhe